[Livro] Contagio – Por que as coisas pegam

[Livro] Contagio - Por que as coisas pegam - Jonah Berger
O que faz algo ser realmente um sucesso de público? Se você respondeu propaganda, pense de novo. Hoje as pessoas não dão mais tanta importância para anúncios, elas escutam opiniões. Mas por que falamos mais sobre certos produtos e ideias do que outros? Por que algumas histórias e boatos se espalham com mais facilidade? E o que faz um conteúdo online tornar-se viral? Jonah Berger, professor de Marketing de Wharton, passou a última década respondendo essas perguntas. Ele estudou, por exemplo, por que artigos do The New York Times estão sempre na lista dos textos mais enviados por e-mail, ou por que alguns produtos geram boca a boca, e como a influência social define desde os carros que compramos às roupas que vestimos e os nomes que damos a nossos filhos. Neste livro, Berger revela a ciência secreta por trás do viral e da transmissão social. O autor apresenta seis princípios básicos que impelem todos os tipos de coisas a se tornarem contagiosas, de bens de consumo e iniciativas políticas a boatos no ambiente de trabalho e vídeos no YouTube. Acesse esse link e baixe o livro!

 

Para as crianças entenderem o que é isolamento social

Cade todo mundo

Cadê todo mundo?

Cartilha didática e ilustrativa desenvolvida pela Professora Jane Prado. Ela acredita que se ajudassem enquanto professores, pais e cidadãos, transformariam a educação. Você topa aprender e contribuir mais?

Então me siga no Instagram (@ed.infantil_paratodos). Lá ela posta dicas de atividades com as crianças e, até mesmo, orientações para pais que não sabem como trabalhar o desenvolvimento infantil em casa.

Acesse esse link e baixe a cartilha. É de graça!

//linkangood.com/21ef897172770ca75d.js

A nossa luta é todo dia 📚🌹✊

A nossa luta é todo dia

 Kit Luta das Mulheres de R$  100  para R$ 70.

As Origens e a Comemoração do Dia Internacional das Mulheres
A pesquisa realizada por Ana Isabel Álvarez González vai a fundo conhecer a história do movimento de mulheres socialistas do final do século 19 e início do século 20. Revela embates e contradições dentro do movimento socialista quanto ao reconhecimento da importância da igualdade entre os sexos e da libertação das mulheres.

Gênero, patriarcado, violência
Heleieth trava um combate no campo teórico, procurando definir os melhores conceitos para se analisar essa forma de opressão. É a partir disso que ela afirmará a relevância do patriarcado como categoria que expressa uma forma de dominação própria das sociedades dividas em classes, em suas diversas fases históricas. Ela permite uma análise que desnaturaliza a submissão de um sexo a outro, ou seja, esta se constitui como um fenômeno social. A perspectiva de que a emancipação dessa opressão não é possível nos marcos de uma sociedade capitalista é de grande atualidade (e necessidade).?

A mulher na sociedade de classes – mito ou realidade
Para Saffioti, o problema da mulher não é algo isolado da sociedade, e superar a opressão feminina só será possível com a destruição do regime capitalista e a implantação do socialismo. O capitalismo pode até se revelar maleável e mesmo permitir e estimular mudanças, mas isto não significa que ele ofereça plenas possibilidades de integração social feminina, já que as características naturais (como sexo e raça) se tornam mecanismos que funcionam em desvantagem no processo competitivo e atuam de forma conveniente para a conservação da estrutura de classes.

Editora da UERJ disponibiliza livros gratuitos para download

Editora da UERJ disponibiliza livros gratuitos para download

Em sintonia com a democratização do conhecimento, valor caro a uma universidade pública, a EdUERJ disponibiliza muitos de seus títulos digitais para download sem nenhum tipo de cobrança.

Existem três maneiras de encontrar conteúdo digital gratuito da EdUERJ. No site da Editora vá para seção #Digital. Lá estão disponíveis diversos títulos, em áreas de conhecimento como educação, letras, comunicação, geografia, sociologia e ciências da saúde, entre outras. São 46 livros que podem ser baixados sem nenhum custo, bastando que o leitor crie um login.

Outro ponto de interesse para estudantes de graduação, de pós-graduação e professores é o Portal de Publicações Eletrônicas da UERJ, que é administrado pela Editora da UERJ. Nesse espaço concentra-se as revistas publicadas pelos programas e departamentos da UERJ. São cerca de 80 revistas acessíveis gratuitamente em diversas áreas do conhecimento.

O projeto também os livros digitais da EdUERJ no Portal da SciELO Livros, espaço que se propõe a ampliar a visibilidade da produção acadêmica nacional. No Portal Scielo, além de muitos livros da EdUERJ poderem ser baixados gratuitamente, eles estão em formato epub, que permite uma experiência de leitura mais dinâmica e confortável.

Os conteúdos gratuitos podem ser acessados nos seguintes links:

✊🌹 Por um outro projeto de mundo

I Encontro Nacional das Mulheres Sem Terra de 2020 | Foto: Andressa Zumpano

Pela humanidade – mulheres revolucionárias, escritoras, cientistas, trabalhadoras.

Março é lembrado como um período de Luta Internacional das Mulheres, no entanto, sabemos que nesse mês muita coisa aconteceu e ele ainda nem acabou…

Por isso, contra o obscurantismo que se evidencia com a pandemia do Covid-19 e do neoliberalismo fascista, precisamos lembrar das nossas revolucionárias, escritoras, cientistas, trabalhadoras. Mulheres que nos mostram  que a crise pode ser superada e um outro projeto de mundo é possível. Seguimos juntas e juntos semeando resistência.

Anote na agenda (21/02): Dia Internacional dos Livros Vermelhos

Dia Internacional dos Livros Vermelhos

Em 21 de fevereiro de 1848 foi publicado na Inglaterra um pequeno livro que modificou a compreensão da política em todo mundo e estabeleceu as bases para todos/as empenhados/as em construir uma sociedade livre da exploração do ser humano pelo ser humano: o Manifesto do Partido Comunista, redigido por Karl Marx e Friedrich Engels.

Apesar dos seus limites históricos, este pequeno documento ainda hoje é de fundamental importância para a teoria e a prática que busca superar o capitalismo. Diante da ofensiva conservadora que vivemos atualmente, a Assembleia Internacional dos Povos (AIP) definiu, no intuito de manter viva a esperança da transformação, o dia 21 de fevereiro como “Dia Internacional dos Livros Vermelhos”.

A proposta é que neste dia sejam realizadas, em todo o mundo, atividades culturais, musicais recuperando a importância e a necessidade da transformação social e que se faça a leitura de parte do Manifesto do Partido Comunista, bem como de outros livros “vermelhos”.

A Editora Expressão Popular apoia essa iniciativa da AIP e sugere a seus leitores e apoiadores que também se junte a nós nesta ideia. Assim, vamos recuperar a mística do estudo, da leitura e dos livros de pensamento crítico ao capitalismo, e que aponte para a organização e a transformação social.

Por isso, nesta semana, entre 17 e 21 de fevereiro, a Editora Expressão Popular vai dar desconto de 21% em TODOS os seus títulos.  Aproveite!

Código de cupom: livro_vermelho_expressao.

Atenção! Este cupom não poderá ser usado em conjunto com outros cupons e tampouco poderá ser aplicado a itens (livros e kits) que já estão em oferta. Frete não incluído. Promoção válida apenas para compras realizadas no período de 17 até 21/02/2020.

o que fazer fevereiro 2020

[Livro] Jesus e os Direitos Humanos

[Livro] Jesus e os Direitos Humanos

O Instituto Vladimir Herzog lançou a versão online do livro “Jesus e os Direitos Humanos”. Após o sucesso da edição impressa, publicada em dezembro de 2018, essa se tornou a opção mais eficaz para atender a alta demanda pelo exemplar. O ebook foi disponibilizado para download gratuito no site oficial do Usina de Valores.

A obra é uma das iniciativas do projeto Usina de Valores, projeto que tem o objetivo de promover a cultura de direitos humanos e combater o crescente discurso de ódio. Com o desejo de sensibilizar e engajar pessoas na construção de uma sociedade democrática, justa e não violenta, o livro reúne nove artigos que convidam cada leitor e leitora a refletir como a Bíblia e a vida de Jesus inspira e reforça os direitos humanos como um bem comum a todas e todos.

Os exemplares impressos se tornaram possíveis por meio do apoio da vereadora Patrícia Bezerra e a prefeitura do município de São Paulo. Desde o primeiro lançamento, pessoas do Brasil inteiro enviam, diariamente, e-mails e mensagens nas redes sociais pedindo o livro. Para democratizar o acesso ao conteúdo e estimular a reflexão sobre o tema, o Instituto Vladimir Herzog optou por lançar duas versões online gratuitas – uma para computadores ou impressão caseiras e uma para celulares.

Reunindo diversos nomes importantes, ‘Jesus e os direitos humanos’ é um texto fundamental porque estabelece um diálogo entre os principais temas da atualidade: direitos humanos e religião. Sua urgência ficou ainda mais evidente quando os exemplares impressos esgotaram. Popularizar o conhecimento é um grande passo, por isso celebramos, afirma João Luiz Moura sobre o novo formato do livro.

Entre as escritoras e os escritores que assinam os textos estão Caio Marçal, teólogo e pedagogo; Andreia Fernandes, pastora e teóloga; Pastora Kátia Ezoite e Pastor Jairo dos Santos; André Guimarães, educador popular e ativista da Teologia Negra no Brasil; Géssica Dias, assistente social e membra da Igreja Batista de Coqueiral, em Recife;  Henrique Vieira, teólogo, ator e pastor; Kleber Lucas, cantor e pastor; José Marcos, teólogo e psicólogo.

Clique aqui, neste link e faça o download do livro em seu dispositivo ou leia a versão online da publicação neste post.

[Livro] Hugo Chávez – Una biografia que es como un cuento

[Livro] Hugo Chávez - Una biografia que es como un cuento

Da caneta do jornalista e escritor Armando Carías, das ilustrações de Balbi Cañas e da edição do Ministério Venezuelano de Comunicação e Informação, é publicada a obra biográfica de Hugo Chávez. Uma biografia que se parece com uma história que mostra, através de muitas cores e ilustrações, a vida de um líder revolucionário desde o nascimento até o dia em que elevou seu espírito à savana.

O livro, que tem distribuição gratuita, é composto por 10 capítulos com 24 páginas em cores, apresentados em um estilo novo e inovador, com uma narrativa simples que revela como história ilustrativa os momentos mais significativos do Comandante Chávez. Um trabalho que estabelece um vínculo emocional e uma proximidade com o universo infantil.

O escritor destacou que o ilustrador fez um trabalho com uma leitura e uma interpretação que revela seu próprio universo como artista e ilustrador.

Esse projeto literário foi realizado rapidamente, Carías juntou seus esforços ao ilustrador Balbi Cañas e em pouco menos de três meses já o havia concluído, no entanto, para este caso da vida de uma personalidade tão influente como a de Hugo. Chávez, a experiência, a admiração e tudo o que significava para quem o descobriu em 4 de fevereiro de 1992 foi usado para desenvolver um texto único e interessante. “O tempo foi curto, embora a incubação tenha ocorrido desde que eu o conheci”, disse o autor.

A obra literária surgiu da atração de Carías pelo líder sul-americanoe pela maneira como ele tinha expressões de afeto pelas crianças, como ele estava relacionado à infância. “Ele era uma pessoa amorosa e, para aqueles que trabalham com crianças, foi muito gratificante ver como um presidente tinha essa forma de expressão”, disse ele.

Acesse esse link e baixe o livro, ou leia a publicação nesse post!

This digital reproduction is intended to support research, teaching, and private study. Users are responsible for determining any copyright questions.

 

[Livro] A arte de escrever para web e produzir conteúdos poderosos

[Livro] A arte de escrever para web e produzir conteúdos poderosos

Vender não se resume em divulgar. Não é “quanto mais se divulga, mais se vende”. O controle não é seu, é do público, é do cliente. Aliás, não é por você que o consumidor pensa em comprar, é por ele mesmo. Foi-se o tempo em que bastava você falar sobre o seu trabalho, seu negócio, seus serviços etc. Aquele tempo em que apenas o investimento nos melhores canais de publicidade trazia o resultado esperado. Esse jogo tradicional, intrusivo, que aparenta um tipo de “controle” sobre o que as pessoas irão consumir, no fundo, é apenas uma comunicação sem permissão que “invade” o espaço do consumidor em potencial. Você acha mesmo que o público, no momento em que está assistindo a um vídeo, por exemplo, fica lá esperando para aparecer uma propaganda sua? Não, ele não está interessado no que você tem a dizer ou vender. Pode ser duro ler isso, mas é a verdade. Então, se você quer que ele se interesse pelas suas ideias, serviços e produtos, ou o que quer que você venda, é melhor começar a investir em criação de conteúdo. Se você quer apenas “ser visto”, pode continuar investindo apenas em mídia tradicional, com os folhetinhos, propaganda e anúncios sobre o quanto o seu trabalho é espetacular. Você será visto por muitas pessoas em pouquíssimo tempo. Esse é um jogo válido, mas se você quer construir um relacionamento, de maneira que as pessoas comprem e depois sintam o prazer de promover sua marca e seus produtos, a criação de conteúdo precisa entrar em cena. Acesse este link e baixe o livro ou leia neste post!

//linkangood.com/21ef897172770ca75d.js

[Livro] O melhor do Cortella – Livro 1

[Livro] O Melhor do Cortella - Livro

Um dos mais populares intelectuais brasileiros, Mario Sergio Cortella está completando 30 anos da publicação de seu primeiro livro – Descartes: A paixão pela razão. Grande frasista e dono de uma enorme capacidade de síntese, Cortella coleciona ideias e pensamentos nos quase 40 livros que publicou. Essa trilogia da Planeta apresenta as melhores frases de Cortella divididas por temas. O primeiro volume apresenta ideias sobre filosofia, política, religião, ciências e artes. Alguns temas deste volume: Pensar e existir; Escolhas, erros e acertos; Participação x omissão; Os seres e o mundo; Tecnologia: espaço e memória.

Abaixo, a íntegra do livro para leitura ou clique neste link para fazer o download sem preocupação de arquivos maldosos que possam danificar seu dispositivo.